"

'Ofereço-me para cooperar com amor a fim de compartilhar a abundância de meu coração.'
'Comunico-me sem apegos e descubro a harmonia de evoluir na Terra.'

domingo, 28 de abril de 2013

Ananás, por Ir. Cirilo José

Ananás; Sistema Agroflorestal da família do Sr. João Boeiro e Dona Eva, Itapeva - Assentamento Pirituba II, Agrovila I.
39. ANANÁS - O fruto quando maduro é empregado como diurético; combate os cálculos dos rins, da bexiga, do fígado e icterícia, hidropisia, tuberculose e males pulmonares.


"Faça do alimento sua Medicina, e da Medicina seu alimento"
"Os semelhantes curam os semelhantes"

"O poder curativo dos medicamentos depende (...) de seus sintomas semelhantes aos da doença, mas superiores em força, de modo que em cada caso individual, a doença é mais certa, radical, rápida e permanentemente eliminada."  
Hahnemann

"Substâncias que são fabricadas pelo organismo ou ingeridas via alimentação, essenciais para a manutenção da vida, podem ser utilizadas para melhorar a saúde humana."  
Linus Pauling

Tomei o suco desta infrutescência nativa de nossas matas, junto com a família do Sr. João e Eva. Delicioso. Branquinho, parece até que estávamos tomando um copo de leite.

Ananás, foto: Oliver Blanco. Sítio Curupira.
Mudas de Ananás  produzidas sobre a proteção do S.A.F. Sítio Curupira.  Fotos. Oliver Blanco
Produção de Ananás, Sítio Curupira, João Boeiro e Eva.


Estive visitando a família do Sr. João e Eva em janeiro deste ano. Fiquei muito feliz quando vi ao longe está beleza na foto acima.

Triste foi descobrir que ao seu redor havia um sistema pobre de produção, não durável e que está acabando com o Assentamento Pirituba II e até mesmo afetando a produção orgânica da família do Sr. João.

Já quando cheguei, passando pela Agrovila IV o cheiro forte de veneno me perseguiu. Passei rapidamente pela pequena vila da Agrovila I e de longe eu via uma esperança. Quando cheguei o cheiro, não era mais cheiro, era perfume. Perfume de vida!

Parabéns a família de produtores! João, Eva, Jonas, Ernesto...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"no artigo 5º, inciso IV da Carta da República: 'é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato'."

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...